VOLUME 50 – Nº 4 | ANO 2018

Baixar a versão completa em PDF

CARTA DO PRESIDENTE / LETTER FROM THE PRESIDENT

As mudanças e o laboratório

Dr. Luiz Fernando Barcelos

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Texto completo (PDF)

EDITORIAL / EDITORIAL

ARTIGO DE REVISÃO / REVIEW

Eumicetoma e actinomicetoma: uma breve revisão da literatura

Ana Cristina Santos Fernandes Pereira

Pedro Pereira da Silva Júnior

Eveline Pipolo Milan

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Micetoma é uma infecção que acomete o tecido subcutâneo após a inoculação de microrganismos na pele em locais de pequenos traumas. Caracteriza-se pela ocorrência de tumoração, associada à formação de fistulas e à drenagem de grãos. Trata-se de um grupo de infecções subcutâneas de difícil tratamento com epidemiologia bem definida, acometendo preferencialmente trabalhadores rurais do gênero masculino. Os agentes causadores podem ser fungos ou bactérias. Este artigo propõe-se à revisão dos dados recentes da epidemiologia e tratamento dessas infecções.

Palavras-chave

Micetoma; Actinomicose; Diagnóstico; Tratamento

Abstract

Mycetoma is an infection that affects the subcutaneous tissue by the inoculation of microorganisms on the skin after minor traumas. It is characterized by the occurrence of tumor, associated with fistulae and grain drainage. It is a group of subcutaneous infections with difficult treatment and epidemiology well defined, affecting preferably male rural workers. The causative agents may be fungi or bacterias. This article proposes to review recent data on epidemiology and treatment of these infections.

Palavras-chave

Mycetoma; Actinomycosis; Diagnosis; Treatment

O diagnóstico das síndromes mielodisplásicas: revisão da literatura

Emerson Barbosa da Silva

Joyce Alves Nascimento

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A síndrome mielodisplásica (SMD) é uma doença de diagnóstico complexo e, com bases nas contribuições encontradas na literatura, reunimos as principais ferramentas diagnósticas disponíveis na atualidade e sua aplicação, bem como o avanço nos métodos de diagnóstico, contribuindo para melhor compreensão da doença e futuras pesquisas. Este trabalho teve como objetivo apresentar as características da SMD, e apontar os exames realizados para o diagnóstico e seu avanço laboratorial, expondo as novas tecnologias para diagnóstico. Para realizar uma revisão bibliográfica, foi realizado um levantamento de artigos científicos publicados a partir de banco de dados confiáveis como PubMed, Bireme e SciELO, de 2000 a 2016. Foram utilizados os seguintes termos para a pesquisa: síndrome mielodisplásica, displasia e diagnóstico. Incluindo-se publicações no idioma Inglês e Português. A SMD, por se tratar de uma doença clonal ou não clonal, deve ser avaliada desde uma análise de sangue periférico, no qual observa-se uma alteração, e com o isso realizar uma investigação baseando-se em dados clínicos, histopatológicos, citogenéticos e na evolução do paciente. Sendo assim, requer profissionais altamente capacitados e que acompanhem a evolução dos critérios para o diagnóstico.

Palavras-chave
Síndromes mielodisplásicas; Evolução molecular; Doenças da medula óssea

Abstract

Myelodysplastic Syndrome is a complex diagnosis disease, and based on the contributions found in the literature, we have gathered the main diagnostic tools available at the present time and their application, as well as the advances in diagnostic methods, contributing to a better understanding of the disease and future research. The objective of this study was to present the characteristics of the SMD, and to point out the tests performed for the diagnosis and its laboratory progress, exposing the new technologies for diagnosis. To carry out a bibliographic review, a survey of published scientific articles was carried out, from reliable databases such as Pubmed, Bireme and SciELO, from 2000 to 2016. The following search terms were used: Myelodysplastic Syndrome, Dysplasia and Diagnosis. Including English and Portuguese language publications. SMD can be a clonal or non-clonal disease, it must be evaluated from a peripheral blood analysis in which an alteration is observed, and an investigation is made based on clinical, histopathological, cytogenetic and evolution of the patient. Therefore, it requires highly qualified professionals and accompanies the evolution of the criteria for diagnosis.

Keywords
Bone marrow diseases, Evolution molecular, Myelodysplastic syndromes

Segurança transfusional no Brasil: dos primórdios ao NAT

Thalita Soares Martins

Juliana Oliveira de Toledo Nóbrega

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A doação de sangue é atualmente considerada um ato voluntário e não remunerado. Milhões de bolsas de sangue são coletadas anualmente e sua qualidade é decisiva para o tratamento de milhões de pessoas. Assegurar uma boa procedência dessas bolsas é de fundamental importância e os hemocentros brasileiros seguem um protocolo de medidas chamado ciclo hemoterápico no qual se tem a avaliação clínica, imunológica e sorológica dessas bolsas. Este estudo teve como objetivo, por meio de uma revisão literária, apresentar o contexto histórico da criação dos bancos de sangue e realizar um paralelo entre as deficiências e margens de erro deixadas pelos testes sorológicos e o Teste do Ácido Nucleico (NAT), como o que há de mais moderno nos testes de triagem.

Palavras-chave
Doadores de sangue; Serviço de Hemoterapia; Doenças sexualmente transmissíveis

Abstract

Currently, blood donation is currently considered a voluntary and unpaid act. Millions of blood bags are collected annually and their quality is decisive for the treatment of many people. Ensuring a good origin of these bags is of fundamental importance, and Brazilian blood centers follow a protocol of measures called hemotherapy” cycle in which the clinical, immunological and serological analysis of these bags is simultaneously. The aim of this study was to present the historical context of the creation of blood banks and to make a parallel between the deficiencies and margins of error left by the serological tests and the Nucleic Acid Test (NAT), as the latest in screening tests in blood banks today.

Keywords
Blood donors; Hemotherapy service; Sexually transmitted diseases

ARTIGO DE ATUALIZAÇÃO / UPDATE

Meningite bacteriana: uma atualização

Andréa Bessa Teixeira

Jéssica Carolina do Vale Cavalcante

Ítalo César Moreno

Izabele de Andrade Soares

Francisco Otávio de Almeida Holanda

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A meningite é um processo inflamatório das meninges que envolve as duas membranas cerebrais (pia-máter e aracnoide) e o líquido cefalorraquidiano (LCR), podendo ser causado por diversos fatores, infeccioso ou não. Para o desenvolvimento do trabalho realizou-se uma pesquisa por artigos que estivessem disponíveis na base de dados SciELO, PubMed e Sinan, entre os anos de 2013 a 2018, utilizando os seguintes descritores: meningite, meningite bacteriana, diagnóstico, epidemiologia e fisiopatologia. O presente estudo tem como objetivo explanar informações atualizadas sobre a meningite bacteriana quanto à sua ocorrência no Brasil, abordando dados epidemiológicos, bem como suas manifestações clínicas, forma de diagnóstico, transmissão e tratamento.

Palavras-chave
Meningite; Diagnóstico; Tratamento

Abstract

Meningitis is an inflammatory process of the meninges, involving the two cerebral membranes (pia mater and arachnoid) and the cerebrospinal fluid (CSF), and can be caused by several factors, infectious or not. For the development of the work, a research was carried out by articles that were available in the database SciELO, Pubmed and Sinan, between the years of 2013 to 2018, using the following descriptors: meningitis, bacterial meningitis, diagnosis, epidemiology and pathophysiology. The present study aims to explain updated information about bacterial meningitis as to its occurrence in Brazil addressing epidemiological data. As well as its clinical manifestations, form of diagnosis, transmission and treatment.

Keywords
Meningitis; Diagnosis; Treatment

Métodos de diagnóstico para a doença de Chagas: uma atualização

Daniela Ferreira Alves

Antônio Sávio Camelo Muniz

Clara Durval da Rocha Abrel

Neilane Rodrigues de Freitas

Andréa Bessa Teixeira

Eric Soares Ferreira

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A doença de Chagas (ou tripanossomíase americana) é a infecção causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi. Apresenta uma fase aguda (doença de Chagas aguda – DCA) que pode ser sintomática ou não, podendo evoluir para as formas crônicas caso não seja tratada precocemente com medicamento específico. O tratamento é baseado em drogas anti-parasitárias, para aniquilar o parasita, e no controle dos sinais e sintomas da infecção. Em casos de intolerância ou que não respondam ao tratamento, especialmente casos agudos e de reativação da doença de Chagas em imunossuprimidos, o indicado é o nifurtimox como alternativa de tratamento. Existem diagnósticos diferentes tanto na fase aguda quanto na fase crônica. A fase aguda é determinada pela presença de parasitos circulantes em exames parasitológicos diretos de sangue periférico (exame a fresco, esfregaço, gota espessa); presença de sintomas por mais de trinta dias são recomendados métodos de concentração devido ao declínio da parasitemia (teste de Strout, micro-hematócrito, QBC); presença de anticorpos IgM anti-T. cruzi no sangue indica doença aguda quando associada a fatores clínicos e epidemiológicos compatíveis. Já na fase crônica, o indivíduo apresenta anticorpos IgG anti-T. cruzi detectados por testes sorológicos de princípios distintos, a Imunofluorescência indireta, a Hemoaglutinação e o ELISA.

Palavras-chave
Doença de Chagas; Diagnóstico; Tratamento

Abstract

Chagas disease (or American Trypanosomiasis) is the infection caused by the protozoan Trypanosoma cruzi. It presents an acute phase (acute Chagas’ disease – DCA) that can be symptomatic or not, being able to evolve to the chronic forms if it is not treated early with specific medicine. The treatment is based on antiparasitic drugs, to kill the parasite, and in the control of signs and symptoms of infection in cases of intolerance or that do not respond to treatment, especially acute cases and reactivation of Chagas’ disease in immunosuppressed patients, indicated is the nifurtimox as an alternative treatment. There are different diagnoses in both acute and chronic phase. Acute phase is determined by the presence of circulating parasites in direct parasitological examinations of peripheral blood (fresh examination, smear, thick drop); presence of symptoms for more than 30 days, concentration methods are recommended due to the decline of parasitemia (Strout test, microhematocrit, QBC); presence of anti-T IgM antibodies. cruzi in the blood indicates acute disease when associated with clinical and epidemiological factors compatible. Already in the chronic phase the individual presenting anti-T IgG antibodies T. cruzi strains detected by two serological tests of different principles, with Indirect Immunofluorescence, Hemoagglutination and ELISA.

Keywords
Chagas disease; Diagnosis; Treatment

ARTIGO ORIGINAL / ORIGINAL ARTICLE

Perfil dos pacientes com câncer de próstata em hospital de referência no estado de Pernambuco

Danilo Pontes de Oliveira Barros

Thâmara Rayssa da Mota

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Teve como finalidade identificar o perfil dos pacientes atendidos no ambulatório de urologia oncológica do Hospital de Câncer de Pernambuco. Métodos: Este artigo refere-se a uma pesquisa epidemiológica do tipo seccional, realizada com prontuários de homens portadores do câncer na próstata diagnosticados no ano de 2013. Resultados: Segundo o laudo histopatológico desses indivíduos, o estudo mostrou que a maior incidência com relação ao escore de Gleason é a contagem final equivalente a 7, seguido do Gleason 6, que corresponde ao câncer de risco intermediário. Em relação ao local de metástase, foi constatado o predomínio de metástase óssea equivalente a 53% dos casos. Quanto ao tratamento, foram submetidos a prostatectomia, orquiectomia, hormonioterapia e radioterapia, sendo a associação da prostatectomia com a hormonioterapia a que mais auxiliou esses indivíduos (54%) de acordo com o caso clínico de cada um. No que se trata da resposta ao tratamento, foram identificados em maiores frequências e percentuais a anemia – 42 (51,22%) e eosinofilia – 56 (68,29%) respectivamente. Conclusão: O estudo possibilitou conhecer melhor todo o perfil clínico dos pacientes portadores dessa patologia, diagnosticados nesse período e, através disso,  o serviço poderá se organizar para prestar uma assistência ainda melhor aos mesmos.

 

Palavras-chave

Neoplasia; Próstata; Histopatológica

Abstract

Objective: The purpose of this study was to identify the profile of patients treated at the oncologic urology clinic of the Pernambuco Cancer Hospital. Methods: This article refers to a cross-sectional epidemiological survey carried out with medical records of men with prostate cancer diagnosed in the year 2013. Results: According to the histopathological report of these individuals, the study showed that the highest incidence in relation to the Gleason score is the final count equivalent to 7, followed by Gleason 6, which corresponds to intermediate risk cancer. Regarding the site of metastasis, the predominance of bone metastasis was found to be equivalent to (53%) of the cases. Regarding the treatment, they underwent prostatectomy, orchiectomy, hormone therapy and radiotherapy, and the association of prostatectomy and hormone therapy was the one that most assisted these individuals (54%) according to the clinical case of each one. In terms of response to treatment, anemia (42), (51.22%) and eosinophilia (56), (68.29%), respectively, were identified in higher frequencies and percentages. Conclusion: The study made it possible to know better the whole clinical profile of the patients with this pathology, diagnosed during this period and through this the service could be organized to provide an even better assistance to them.

 

Keywords

Neoplasm; Prostate; Histopathology

Prevalência de anticorpos para o Treponema pallidum em uma clínica de hemodiálise do sul do Brasil

Érika Koch Cardoso

Débora de Oliveira Tartari

Deisy da Silva Fernandes Nascimento

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Estimar a prevalência de anticorpos para o Treponema pallidum em pacientes de uma clínica de hemodiálise do sul do Brasil no período de outubro de 2014, bem como a análise sociodemográfica desses indivíduos. Métodos: Estudo observacional e analítico, com coleta de dados feita através de questionário estruturado e testagem sorológica através do VDRL RPR Bras, e Imuno-Rápido (Wama Diagnóstica). Resultados: A população do estudo foi composta por 120 pacientes em tratamento hemodialítico, usuários da Clínica de Doenças Renais, localizada no município de Tubarão-SC. Houve predomínio de homens brancos, com idade inferior a 60 anos, com menos de 11 anos de estudo e custeados pelo Sistema Único de Saúde. A taxa de prevalência de anticorpos para o T. pallidum encontrada pelo Imuno-Rápido foi de 10,8%. No entanto, nenhuma amostra apresentou resultado reagente pelo VDRL RPR Bras. Considerando as possíveis interferências da hemodiálise na detecção de anticorpos, bem como a redução do desempenho do VDRL nos estágios terciários e latente da sífilis, sugere-se uma investigação aprofundada dos pacientes reagentes para o teste rápido, incluindo anamnese, busca da história clínica e pesquisa de anticorpos de classe IgM e IgG por imunofluorescência indireta, a fim de se definir o diagnóstico de sífilis latente, terciária ou tratada. Conclusão: De acordo com a portaria 3242/2011 MS, nenhum paciente foi considerado portador de sífilis, no entanto, 10,8% dos pacientes apresentaram memória imunológica para o T. pallidum.

 

Palavras-chave

Sorodiagnóstico; Sífilis; Diálise renal

Abstract

Objective: To estimate the prevalence of antibodies for Treponema pallidum in patients in a hemodialysis clinic in southern Brazil from October 2014, as well as the sociodemographic analysis of those individuals. Methods: An observational and analytical study with data collection done through structured questionnaire and serological testing by RPR VDRL Bras and ImunoRápido (Wama Diagnostics). Results: The study population consisted of 120 patients on hemodialysis, users Kidney Diseases Clinic, located in the municipality of Tubarão-SC. There was a predominance of white males under 60, under 11 years of schooling age, and funded by the Unified Health System. The prevalence of antibodies for T. pallidum found by ImunoRápido was 10.8 %. However, none had a positive result for RPR VDRL Bras. Considering the possible interference of hemodialysis in the detection of antibodies as well as the reduced performance of the VDRL in tertiary and latent stages of syphilis, it is suggested that a thorough investigation of patients reagents for rapid testing, including medical history, pursuit of clinical history, and for antibodies of class IgG and IgM by indirect immunofluorescence in order to define the diagnosis of latent syphilis, tertiary or treated. Conclusion: According to the ordinance 3242/2011 MS, no patient was considered to have syphilis, however, 10.8 % of patients had immunologic memory for T. pallidumd may increase the chances of harm to the health of the consumer.

 

Keywords

Serodiagnosis; Syphilis; Renal dialysis

Avaliação de isolados de Staphylococcus aureus provenientes de carne bovina moída comercializada no oeste de Santa Catarina

Géssica Aracéli Costa

Beatriz Pasqualli Fernandes

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Staphylococcus aureus tem sido reportado em surtos de origem alimentar em diversos lugares no mundo devido a expressões de variados fatores de virulência que causam injúrias no organismo humano, e, em Santa Catarina, entre 2012 a 2016, foi o segundo agente infeccioso que mais ocasionou surtos alimentares. O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença de S. aureus em amostras de carne bovina moída da cidade de Xaxim- Santa Catarina, verificar a expressão de enzimas proteolíticas e lipolíticas, bem como a sensibilidade frente a diferentes antimicrobianos. Métodos: O isolamento do microrganismo foi realizado em ágar Baird-Paked. Os fatores de virulência foram determinados com a utilização de ágar Skim milk e ágar BHI enriquecido com óleo. A metodologia de disco-difusão foi utilizada para realização do antibiograma. Resultados: Os resultados obtidos demonstraram que, das 12 amostras coletadas, 10 estavam contaminadas com S. aureus com contagens acima do permitido pela legislação vigente. A expressão de enzimas proteolíticas foi verificada em 40% dos isolados na primeira coleta. Na coleta subsequente, todos os isolados obtiveram resultados positivos. Contudo, os isolados não demonstraram resultados em relação à expressão de enzimas lipolíticas. Na avaliação da sensibilidade aos antimicrobianos, a maior suscetibilidade foi evidenciada aos antibióticos tetraciclina e gentamicina. Em relação à penicilina, rifampicina e eritromicina foram verificadas porcentagens variadas de resistência. Conclusão: Os resultados demonstraram que os alimentos encontravam-se impróprios para o consumo, e, além disso, a capacidade de produção de proteases e a resistência antimicrobiana apresentada podem aumentar as chances de danos à saúde do consumidor.

Palavras-chave

Staphylococcus aureus; Carne bovina; Resistência a antimicrobianos

Abstract

Objective: Staphylococcus aureus has been reported in food-borne outbreaks in several places around the world due to expressions of various virulence factors that cause injury in the human body, in Santa Catarina between 2012 to 2016, was the second infectious agent that caused most food outbreaks. Methods: The objective of this work was to evaluate the presence of S. aureus in samples of ground beef from the city of Xaxim-Santa Catarina and verify the expression of proteolytic and lipolytic enzymes as well as the sensitivity to different antimicrobials. Results: Isolation of the microorganism was performed on Baird-Paked agar. The virulence factors were determined with the use of Skim milk agar and BHI agar supplemented with oil. The disc-diffusion methodology was used to perform the antibiogram. The results showed that of the 12 samples collected, 10 were contaminated with S. aureus with counts above that allowed by current legislation. The expression of proteolytic enzymes was verified in 40% of the isolates in the first collection. In the subsequent collection, all the isolates obtained positive results. However, the isolates did not show results in relation to the expression of lipolytic enzymes. In the evaluation of sensitivity to antimicrobials, the highest susceptibility was evidenced to antibiotics tetracycline and gentamicin. In relation to penicillin, rifampicin and erythromycin, there were varied percentages of resistance. Conclusion: The results demonstrate that food was unfit for consumption, and the protease production capacity and antimicrobial resistance presented may increase the chances of harm to the health of the consumer.

 

Keywords

Staphylococcus aureus; Bovine meat; Drug resistance

Avaliação microbiológica de sorvetes comercializados em Goiânia-GO

Jéssica Rios Pedroso Neme Hamú

Alessandra Marques Cardoso

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: O sorvete é um alimento de alto valor nutricional, possibilitando uma alimentação equilibrada, sendo consumido independente da estação do ano. Tendo em vista a segurança alimentar dos consumidores, este estudo objetivou avaliar a qualidade microbiológica de sorvetes comercializados em Goiânia-GO, conforme a Resolução da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Nº 12, de 02 de Janeiro de 2001. Métodos: Foram analisadas vinte amostras, sendo dez oriundas de sorveterias do tipo self-service e dez do tipo gourmet, nos sabores creme e chocolate. Resultados: Das vinte amostras analisadas, 100,0% apresentaram ausência de Salmonella spp., oito (40,0%) apresentaram coliformes termotolerantes e quatro (20,0%) apresentaram estafilococos coagulase positiva acima do limite permitido. Conclusão: Nossos achados evidenciaram que 80,0% das sorveterias analisadas não atenderam à legislação brasileira vigente. Comparando os tipos de sorveteria, self-service e gourmet, evidenciou-se que o tipo self-service retratou um número ligeiramente maior de amostras inadequadas para consumo, quando comparadas ao tipo gourmet. Com relação aos sabores avaliados, de 12 sorvetes impróprios para o consumo, sete eram de chocolate e cinco de creme. Em conclusão, os resultados da pesquisa revelaram condições higiênico-sanitárias insatisfatórias na maioria das sorveterias de Goiânia-GO analisadas, comprometendo a segurança alimentar dos consumidores.

 

Palavras-chave

Doenças transmitidas por alimentos; Sorvetes; Coliformes

Abstract

Objective: The ice cream is a food consumed regardless of the season, with high nutritional value, allowing for a balanced diet. With a view to food safety for consumer, this study aimed to evaluate the microbiological quality of ice cream commercialized in Goiânia-Goiás, as the Resolução da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária N° 12 of 02 January 2001. Methods: Twenty samples were analyzed, of which 10 were from self-service type ice cream shops and 10 from the gourmet type, in cream and chocolate flavors. Results: Of the twenty samples analyzed, 100.0% showed absence of Salmonella spp., eight (40.0%) had thermotolerant coliforms and four (20.0%) presented coagulase positive staphylococci above the allowed limit. Conclusion: Our findings showed that 80.0% of the ice cream shops analyzed did not comply with current brazilian legislation. Comparing the types of ice cream shops, self-service and gourmet, it was noticed that the self-service type portrayed a slightly larger number of samples inadequate to consumption, when compared to the gourmet type. Regarding the flavors evaluated, of twelve ice creams unfit for consumption, seven were chocolate and five creams. In conclusion, the results of the research revealed unsatisfactory hygienic-sanitary conditions, in the majority of the Goiânia-GO ice cream parlors analyzed, compromising the food safety of consumers.

 

Keywords

Foodborne diseases; Ice cream; Coliforms

Correlação entre valores de glicemia média estimada e glicemia em jejum

Mauren Isfer Anghebem

Adriana dos Santos Oliveira

Camila Adriane Greidanus

Felipe Sampaio Mariano

Rafael de Medeiros Tomazi

Marcelo Jahnel

Renato João Lopes

Geraldo Picheth

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Os procedimentos de rotina para avaliação do controle glicêmico em indivíduos com diabetes
mellitus (DM) são a glicemia de jejum, que reflete a concentração glicêmica no momento
do teste, e a hemoglobina glicada (A1C), que traduz a glicemia dos últimos quatro meses.
Recentemente tem sido recomendado o cálculo da glicemia média estimada (GME)
para avaliar o controle glicêmico, pela equação GME (mg/dL) = 28,7 × HbA1C – 46,7. A GME
é mais simples de ser interpretada pelo diabético, facilitando a compreensão do seu estado
glicêmico. Neste estudo avaliamos a relação da GME com os valores da glicemia em jejum.
Foram estudados 49 diabéticos (grupo DM) com três coletas de sangue cada, a intervalos
de 120 dias entre as coletas, e 30 indivíduos sadios (grupo controle). As médias das três
determinações de glicemia em jejum e A1C do grupo DM foram utilizadas para as análises.
Os valores médios de glicemia em jejum (mg/dL), A1C (%) e GME (mg/dL) para os grupos
DM e controle foram, respectivamente: 163,55, 8,38 e 193,83; e 71,0, 5,14 e 100,91. A
fórmula não traz benefícios para indivíduos não diabéticos, pois superestima os valores de
glicemia. Os resultados da glicemia em jejum e GME do grupo DM foram diferentes (P<0,001,
Wilcoxon), com correlação (r) de 0,83 (p<0,001). Portanto, a GME tem boa correlação com
a glicemia de jejum, mas seus valores podem diferir pelo fato de a GME refletir a A1C, um
marcador glicêmico de longo prazo.

Palavras-chave
Diabetes; Média glicêmica; Glicemia média estimada; Hemoglobina glicada

Abstract

The routine procedures for assessment of glycemic control in individuals with diabetes mellitus (DM) is the fasting glucose, which reflects the glucose concentration at the moment, and glycated hemoglobin (A1C), which shows glycemic status over the past four months. It has been recommended the estimated average glucose (GME) to assess glycemic control, by using the equation GME (mg/dL) = 28.7 x A1C – 46.7. The GME is easier to be interpreted by the diabetic, facilitating the understanding of their glycemic status. This study evaluated the relationship between the GME and fasting glucose of diabetic patients and controls. We studied 49 diabetic (DM group), three blood samples each, at intervals of 120 days between collections, and 30 healthy individuals (control group). The average of the determinations of fasting glucose and A1C of the DM group were used for analysis. The mean values of fasting plasma glucose (mg/dL), A1C (%) and GME (mg/dL) for DM and control groups were respectively: 163.55, 183.83 and 8.38 and 71.0 , 5.14 and 100.91. The formula does not bring benefits to non-diabetic subjects since overestimates glycemia. The results of fasting glucose and GME of the DM group were different (P <0.001, Wilcoxon), with correlation (r) of 0.83 (p <0.001). Therefore, GME has good correlation with fasting glucose, but their values may differ because of GME reflect the HbA1C, a long-term glycemic marker.

 

Keywords

Diabetes; Glycemic average; Estimated average glucose; Glycated hemoglobin

COMUNICAÇÃO BREVE / SHORT COMMUNICATION

Projeto de implantação da gestão da qualidade com base na norma PALC e metodologia ONA em um laboratório de análises clínicas

Laís Oliveira Barbosa

Samir Nicola Mansour

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 4 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

O laboratório clínico tem a responsabilidade e compromisso de assegurar que os resultados dos exames reflitam de forma fidedigna a situação clínica apresentada pelos pacientes, por isso é necessário a implantação de um sistema da qualidade e a busca por um certificado de acreditação. O presente trabalho tem como principal objetivo analisar os processos da fase pré-analítica, analítica e pós-analítica em relação aos critérios estabelecidos na metodologia ONA e na norma PALC, identificando as melhores práticas para elaborar um projeto de implantação de um sistema de gestão de qualidade em um laboratório de análises clínicas através de uma análise comparativa com os processos do laboratório clínico. A metodologia usada foram pesquisas em bibliografias especializadas nas plataformas SciELO, PubMed, Lilacs e livros para avaliar a implantação de um sistema de qualidade no laboratório de análises clínicas. Como resultados após comparação das metodologias ONA e PALC, definimos a PALC como a melhor metodologia para o laboratório de análises clínicas, mostrando as ações necessárias para garantir que o processo seja realizado de forma correta.

Palavras-chave
Gestão da qualidade total; Laboratórios; Técnicas de laboratório clínico

Abstract

The Clinical Laboratory has the responsibility and commitment to ensure that the results of the examinations reliably reflect the clinical situation presented by the patients, so it is necessary to implement a quality system and the search for an accreditation certificate. The main objective of this work is to analyze the processes of the pre-analytical, analytical and post-analytical phases in relation to the criteria established in the ONA methodology and the PALC standard, identifying the best practices to elaborate a project to implement a management system laboratory in clinical analysis through a comparative analysis with clinical laboratory processes.The methodology used was researches in specialized bibliographies SciELO, Pubmed, Lilacs, books, to evaluate the implantation of a quality system in the laboratory of clinical analyzes. As results after comparison of the methodologies ONA and PALC, we defined the PALC as the best methodology for the laboratory clinical analysis, showing the actions necessary to ensure that the process is performed correctly.

Keywords
Total quality; Activation analysis; Organization and administration

RELATO DE CASO / CASE REPORT

Ceratite micótica por Acremonium spp. – Relato de caso

Barbara Catarina de Antoni Zoppas

Jeferson Dedéa

Claudia Pissaia

Jorge Alberto Menegasso Vieira

Lucas Piccoli Conzatti

Olívia Egger de Souza

Eduardo Della Giustina

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 50 No. 3 2018

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Ceratite micótica é uma infecção corneana fúngica de aspecto supurativo e normalmente ulcerativo. Representa uma condição potencialmente devastadora e de difícil tratamento. Mais de sessenta espécies de fungos foram reportadas como agentes de ceratites, dependendo da região geográfica. O gênero Acremonium spp. é um agente incomum de infecções de córnea. Paciente masculino, agricultor, portador de transplante de córnea, procurou atendimento devido à dor e vermelhidão na região ocular. Apresentava lesão ulcerada, a qual teve progressão mesmo com o tratamento inicial proposto, sendo necessária a realização de retransplante de córnea a quente. A cultura do material coletado mostrou-se positiva para o fungo Acremonium spp. Existem na literatura poucos relatos de ceratite por Acremonium spp., sendo estes, em sua maioria, ocorridos após procedimentos, como Laser in situ keratomileusis (LASIK). A ceratite fúngica pode ser causada por fungos filamentosos ou leveduras e requer um tratamento específico orientado pela análise microbiológica. O prognóstico destas lesões e o grau de acometimento visual dependem do uso de antifúngicos efetivos contra o agente em questão.

Palavras-chave

Infecção fúngica; Ceratite; Acremonium

Abstract

Fungal keratitis is a fungal corneal infection with a suppurative and usually ulcerative appearance. It represents a potentially devastating and difficult to treat condition. More than 60 fungal species have been reported as keratitis agents, depending on the geographic region. The genus Acremonium spp. is an unusual agent of corneal infections. A male patient, a farmer, who had a corneal transplant, sought care due to pain and redness in the ocular region. It presented ulcerated lesion which progressed even with the initial treatment proposed, and it was necessary to perform a hot corneal retransplantation. The culture of the collected material was positive for the fungus Acremonium spp. There are few reports of Acremonium spp. keratitis in the literature, most of which have occurred after procedures such as Laser in situ keratomileusis (LASIK). Fungal keratitis can be caused by filamentous fungi or yeasts and requires specific treatment guided by microbiological analysis. The prognosis of these lesions and the degree of visual impairment depend on the use of antifungal agents effective against the agent in question.

Palavras-chave

Fungal infection; Keratitis; Acremonium