Edição Atual - JUNHO/JULHO

VOLUME 49 – Nº 02 | ANO 2017

Baixar a versão completa em PDF

CARTA DO PRESIDENTE

Testes rápidos: Uma grande solução ou um grande risco?

Dr. Luiz Fernando Barcelos

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Texto completo (PDF)

EDITORIAL

Sobre a Febre do Mayaro: uma emergente arboviroses

Prof. Dr. Paulo Murillo Neufeld

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Texto completo (PDF)

ARTIGO DE REVISÃO

Aspectos fisiopatológicos da dislipidemia aterogênica e impactos na homeostasia

Taiane de Macêdo Gondim

Laise Eduarda Paixão de Moraes

Italaney Fehlberg

Vanessa da Silva Brito

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A dislipidemia aterogênica em sinergismo com a existência de transtornos metabólicos como diabetes mellitus tipo 2, síndrome metabólica, hipertensão arterial sistêmica e obesidade, e outros fatores como tabagismo, hábitos alimentares e estresse é reconhecida como um quadro associado a doenças cardiovasculares. Embora o papel da alteração do perfil lipídico neste processo esteja a certo ponto estabelecido, ilustrado por uma elevação das concentrações de CT, triglicerídeos e LDL-C, e da diminuição da HDL-C, os mecanismos pelos quais há a intervenção na hemostasia ainda não estão completamente elucidados, limitando questões clínicas e terapêuticas. No presente trabalho foi realizada uma revisão não sistemática acerca das possíveis alterações hemostáticas associadas à dislipidemia aterogênica descritas atualmente na literatura, o que permitiu uma sumarização dos achados descritos até então.

 

Palavras-chave

Aterosclerose. Dislipidemias. Homeostasia. Lipoproteínas

Abstract

The atherogenic dyslipidemia in synergy with metabolic disorders such as diabetes mellitus type 2, metabolic syndrome, hypertension and obesity, added to other factors such as smoking, diet and stress is associated with cardiovascular diseases. Although the impact of changes in lipid metabolism in this process is established by a high concentrations of CT, triglycerides and LDL-C, and decreased HDL-C, the effects of these changes in the homeostasis have not been fully elucidated, the effects of changes in the homeostasis have not been fully elucidated, limiting clinical and therapeutic improvements. In the present work a non-systematic review about the possible changes associated with atherogenic dyslipidemia currently described in the literature, which allowed a summarization of the findings described so far. In the present study, a non-systematic review of possible changes in the homeostasis associated with atherogenic dyslipidemia currently described in the literature was made, which allowed a summarization of the mechanisms described so far.

 

Keywords

Atherosclerosis; Dyslipidemias; Homeostasis; Lipoproteins.  

Leucemia Mieloide Crônica: aspectos clínicos, diagnóstico e principais alterações observadas no hemograma

Fernanda Roberta Sossela

Barbara Catarina de Antoni Zoppas

Liliana Portal Weber

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A Leucemia Mieloide Crônica (LMC) é uma neoplasia hematológica que corresponde de 15% a 20% de todas as leucemias. Na maioria dos casos, há expressão do cromossomo Filadélfia e a produção de uma oncoproteína com atividade tirosina-quinase aumentada. O curso clínico da doença é caracterizado por três fases: crônica, acelerada e crise blástica. O diagnóstico é estabelecido por aspectos clínicos e hematológicos. Entre os principais métodos diagnósticos pode-se citar o hemograma, o mielograma e as análises citogenéticas e moleculares. Em meio às metodologias cada vez mais sensíveis e específicas, o hemograma se constitui numa ferramenta de elevada importância como método de triagem para novos casos, principalmente quando não há sintomatologia característica. Algumas alterações típicas podem ser evidenciadas no hemograma, como o aumento significativo na contagem de leucócitos, acompanhado do aumento de basófilos e do aparecimento de células imaturas. O tratamento de primeira escolha indicado atualmente é o quimioterápico mesilato de imatinibe, que vêm apresentando sucesso terapêutico, acarretando na diminuição do número de casos de evolução da fase crônica para a fase acelerada. Neste artigo, serão discutidos os principais aspectos clínicos da doença e métodos diagnósticos, com enfoque nas alterações características encontradas no hemograma.

 

Palavras-chave

Cromossomo Filadélfia; Leucemia mieloide de fase crônica; Contagem de células sanguíneas

Abstract

Chronic myeloid leukemia (CML) is an hematological tumor, corresponding 15 to 20% of all leukemias. In most cases, there expression of the Philadelphia chromosome and production of an oncoprotein with enhanced tyrosine-kinase activity. The clinical course of the disease is characterized by three phases: chronic, accelerated and blast crisis. The diagnosis is established by clinical and hematological aspects. Among the main diagnostic methods, there is the complete blood count, the bone marrow examination and cytogenetic and molecular analyzes. Amid the increasingly sensitive and specific methodologies, the complete blood countis an important tool as a screening method for new cases, especially when there are no characteristic symptoms. Some typical changes can be highlighted in the complete blood countis as a significant increase in leukocyte count, accompanied by increase in basophil count and the appearance of immature cells. The treatment of choice is currently the quimioterapic imatinib mesylate, which have shown therapeutic success, resulting in decrease in the number of cases of evolution of chronic phase to accelerated phase. In this article, the main clinical aspects of the disease and diagnostic methods will be discussed, focusing on characteristic changes found in the blood count

 

Keywords

Philadelphia Chromosome; Leukemia, Myeloid, chronic-phase; Blood cell count

ARTIGO DE ATUALIZAÇÃO

Anemia Falciforme e abordagem laboratorial: uma breve revisão de literatura

Renata Araujo de Almeida

Ana Laura Remédio Zeni Beretta

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Anemia Falciforme é uma doença hemolítica de caráter autossômico recessivo presente em indivíduos homozigóticos para a hemoglobina S, ocorrendo uma mutação na posição 6 da extremidade N – terminal do cromossomo 11, substituindo o ácido glutâmico por valina. A HbSS em condições de hipóxia se polimeriza no formato de foice. A anemia nos pacientes ocorre pela diminuição de hemoglobina devido ao aumento de hemólise no baço. As hemácias falciformes contribuem para os processos inflamatórios, vaso-oclusão, aumento de coagulação, lesão tecidual. Os processos infecciosos são críticos em crianças menores de 6 anos devido à autoesplenectomia e sua susceptibilidade a infecções. O objetivo do estudo foi estabelecer os principais meios para o diagnóstico laboratorial da anemia falciforme, baseando-se na revisão bibliográfica em artigos científicos e banco de dados do Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (Bireme/Lilacs). A triagem laboratorial fornece subsídios para o norteamento clínico, desde exames simples, como o hemograma com a contagem de reticulócitos, até exames mais sofisticados, como resistência osmótica em solução de cloreto de sódio a 0,36%, eletroforese em pH alcalino em acetato de celulose, pesquisa de corpos de Heinz e agregados de hemoglobina H, entre outros. O estudo mostrou que a eletroforese de hemoglobina é o exame padrão-ouro para a confirmação do diagnóstico.

 

Palavras-chave

Doença da Hemoglobina SC; Anemia Falciforme; Anemia Hemolítica; Diagnóstico

 

Abstract

Sickle cell anemia is a hemolytic disease of autosomal recessive character present in individuals homozygous for Hb (hemoglobin S) caused by a mutation at position 6 of N-terminus – terminus of chromosome 11, with the substitution of a glutamic acid for valine. The HbSS is responsible for the polymerization of erythrocytes in hypoxia conditions, when they assume sickle cell shape; causing hemolysis. The disease contributes to the processes of vaso-occlusion, coagulation increase, tissue injury, inflammatory and infectious processes, being more critical in children under six years old due to self-splenectomy and susceptibility to infections. Sickle cell disease has preventive measures that can be taken by the patient under medical supervision. The objective of the study was to establish the main media used for the laboratory diagnosis of sickle cell anemia based on literature review research in journals and scientific papers, bireme database, lilac, etc. It was observed that laboratorial tests help the clinician, from CBC with reticulosys count, to more sophisticated tests as osmotic resistance in sodium chloride solution 0.36 %, alkaline pH electrophoresis on cellulose acetate, among others. The diagnostic confirmation occurs in the electrophoretic exams, which the gold standard laboratorial confirmation test is the hemoglobin electrophoresis.

 

Keywords

Hemoglobin SC disease; Anemia, Sickle cell; Anemia, Hemolytic; diagnosis

O impacto da fase pré-analítica na qualidade dos esfregaços cervicovaginais

Gislâine Paes Ferreira Silva

Priscila Cardoso Cristovam

Daniela Berguio Vidotti

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

O estudo tem como objetivo realizar uma revisão bibliográfica no que refere à qualidade dos esfregaços cervicovaginais, nas etapas de fixação e coloração realizadas por técnicas citológicas convencionais. O exame citopatológico tem como base uma metodologia de diagnóstico e prevenção para a detecção do câncer do colo de útero e suas lesões precursoras; porém, sua vulnerabilidade a erros nas etapas de fixação, coloração e montagem do esfregaço pode induzir significativamente a reprodutibilidade dos observadores, levando a um diagnóstico errôneo. Portanto, é necessário que se desenvolva uma intensa atividade no controle de qualidade em todo processo, incluindo a fase pré-analítica, para se obter maior segurança nos resultados dos exames citológicos convencionais.

 

Palavras-chave

Esfregaço vaginal; Controle de qualidade; Detecção precoce de câncer; Prevenção de câncer de colo uterino; Displasia do colo uterino

Abstract

The aim of this study was to making a revision about the cervical smear quality, in the stages of setting and coloration carried through by conventional cytological techniques. The cervical smear test is a method of cervical screening used to detect cervical cancer at its earliest stages and its precursor lesions, however, errors associated with the cervical screening process as smear taking and preparation can induce significantly the reproducibility of the observers leading to a false diagnosis. Therefore, it is very important to develop an intense activity in quality control in the whole process including pre-analytical phase, for greater safety on the results of conventional cytological examinations.

 

Keywords

Vaginal smears; Quality control; Cervix neoplasms prevention; Uterine cervical dysplasia; Early detection of cancer

ARTIGO ORIGINAL

Resultados do eritrograma em crianças com anemias do município de Tupanciretã, RS, Brasil

Geovane Barbosa da Silva

Mariana Migliorini Parisi

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Descrever o perfil do eritrograma das anemias diagnosticadas em crianças de 0 a 10 anos em um laboratório de análises clínicas do município de Tupanciretã, RS. Métodos: A coleta dos dados foi realizada de forma retrospectiva por meio da seleção dos exames laboratoriais das crianças e obedeceu aos seguintes critérios de inclusão: exames de crianças de 0 a 10 anos com hemoglobina <11 g/dL e realizados nos anos de 2014 e 2015. Resultados: Do total de 730 exames realizados pelo laboratório em crianças de 0 a 10 anos, 16,7% apresentaram hemoglobina <11 g/dL, com idade média de 1,75 ± 1,13 anos, sendo 46,7 % do sexo masculino. Observou-se maior prevalência de anemias microcíticas hipocrômicas com anisocitose, sugestivas de anemia ferropênica. Não houve diferença estatística significativa nos valores do eritrograma quando estes foram estratificados por diferentes valores de ferritina. Conclusão: Neste trabalho foi demonstrado um significativo percentual de crianças com anemia no laboratório estudado. Assim, uma melhor identificação da anemia e de seus fatores relacionados contribui para o planejamento de prevenção, controle e manejo das crianças que são acometidas por esta síndrome.

 

Palavras-chave

Anemia; Hemoglobina; Criança

Abstract

Objective: Describe the erythrogram profile of anemia diagnosed in children aged 0 to 10 years in a clinical laboratory from Tupanciretã, RS. Methods: Data collection was carried out retrospectively through the selection of laboratory tests of children followed the inclusion criteria: tests of children aged 0 to 10 years with hemoglobin <11 g/dL and performed in the 2014 and 2015 years. Results: Of the 730 tests carried out by the laboratory in children aged 0 to 10 years, 16.7% had hemoglobin <11 g / dL, with an average age of 1.75 ± 1.13 years and 46.7% was male. There was a higher prevalence of hypochromic microcytic anemia with anisocytosis, suggestive of iron deficiency anemia. There was no significant difference in erythrocyte values when they were stratified by different ferritin levels. Conclusion: In this work, a significant percentage of children with anemia was demonstrated in the studied laboratory. Thus, a better identification of anemia and its related factors contribute to the planning of prevention, control and management of children who are affected by this syndrome.

 

Keywords

Anemia; Hemoglobin; Child

Investigação da ocorrência de infecção respiratória aguda causada pelo vírus sincicial respiratório (RSV) pela técnica da PCR

Fernanda Carolina Pedrosa

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: O Vírus Sincicial Respiratório (RSV) é um dos principais agentes virais causadores de infecções graves do trato respiratório em lactentes e crianças. Métodos: Investigou-se a ocorrência da infecção respiratória aguda causada pelo RSV em pacientes sintomáticos nos atendimentos de serviço de assistência primária à saúde pública na cidade de Guarapuava, PR. Foram coletadas 144 amostras de secreção nasal dos pacientes incluídos de todas as faixas etárias, entre o ano de 2013 e 2014. Resultados: A idade média dos pacientes do estudo foi de 35,17 anos e a mediana de 31 anos, variando com o mínimo de 1 ano e o máximo de 82 anos de idade. Conclusão: Foram concluídas as análises de dados dos pacientes e padronizações da metodologia RT-PCR através de cepas controles de RSV. A metodologia RT-PCR padronizada foi aplicada nas amostras, no entanto, não foram detectados casos de infecção respiratória por RSV em pacientes com sintomas respiratórios na cidade de Guarapuava, PR.

 

Palavras-chave

Vacinas; Vírus Sinciciais Respiratórios; PCR

Abstract

Objective: Respiratory syncytial virus (RSV) is one of the main viral agents causing serious respiratory tract infections in infants and children. Methods: Investigated the occurrence of acute respiratory infection caused by RSV in symptomatic patients in primary care service calls to public health in the city of Guarapuava, PR. One hundred and forty four were collected samples of nasal secretion, included patients of all age groups, between the year of 2013 and 2014. Results: In the results the average age of patients in the study was of 35.17 years and the median of 31 years, varying with the minimum of 1 year and a maximum of 82 years of age. Conclusion: Data analyses were completed of patients and standardization of RT-PCR methodology through controls of RSV strains. Standard RT-PCR methodology was applied in the samples, however, were not detected cases of respiratory infection by RSV in patients with respiratory symptoms in the city of Guarapuava, PR.

 

Keywords

Vaccines; Respiratory Syncytial Virus; PCR

Lesão de alto grau e carcinoma escamoso: um estudo de prevalências em pacientes atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade de Anápolis, GO, Brasil

Ana Raquel Moreira de Lemos

Marcela Souza Silva

Kelly Deyse Segati

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: O câncer de colo do útero se desenvolve a partir de lesões precursoras, as quais têm potencialidade para progressão se não forem detectadas e tratadas precocemente. A Organização Mundial de Saúde recomenda o desenvolvimento de programas de controle dessa doença através de medidas de prevenção como o exame citológico. O objetivo deste estudo foi analisar as taxas de prevalência de atipias graves, como lesão intraepitelial de alto grau (HSIL) e carcinoma (CA). Métodos: No período de um ano foram levantados laudos citológicos de cérvice uterina pelo método de Papanicolaou de pacientes atendidas pelo SUS na cidade de Anápolis, GO, utilizando-se os dados de domínio público contidos no SISCOLO. Resultados: Os resultados apontam que a prevalência geral das amostras satisfatórias foi de 99,5% (17493/17573). Desses, 0,2% (30/17493) apresentavam resultados de atipias graves. Entre os resultados positivos, o diagnóstico de lesão grave apresentou 0,17% de prevalência, sendo 0,13% de HSIL e 0,04% de CA. A taxa de atipias graves encontrada foi de 1,715 a cada 1.000 diagnósticos (IC 95%; 1,178 – 2,417). Conclusão: Os resultados subestimam a taxa esperada pelo Ministério da Saúde (superior a 0,4%). Estes dados podem refletir a influência de fatores que interferem a rastreabilidade do câncer de colo uterino.

 

Palavras-chave

Colo uterino; Neoplasias; Prevalências

Abstract

Objective: The cervical cancer of the uterus develops from precursor lesions, which have the potential to progress if not detected and treated early. The World Health Organization recommends the development of the disease control programs through preventive measures such as cytological examination. The aim of this study was to analyze the prevalence of severe atypia rates as high grade squamous intraepithelial lesions (HSIL) and carcinoma (CA). Methods: Within a year were raised cytologic reports of uterine cervix by Papanicolaou method of patients attended by SUS in the city of Anapolis-GO, using public domain data contained in SISCOLO. Results: The results showed that the overall prevalence of satisfactory samples was 99.5% (17493/17573). Of these, 0.2% (30/17493) presented results of severe atypia. Among the positive diagnosis of serious injury showed 0.17% prevalence, and 0.13% of HSIL and 0.04% Ca. The severe atypia rate was found to be 1,715 to 1,000 diagnoses (95% CI 1.178 to 2.417). The results understate the rate expected by the Ministry of Health (more than 0,4%). These data may reflect the influence of factors that affect the traceability of cervical cancer. Conclusion: The severe atypia rate was found to be 1,715 to 1000 diagnoses (95% CI 1.178 to 2.417). The results understate the rate expected by the Ministry of Health (more than 0,4%). These data may reflect the influence of factors that affect the traceability of cervical cancer.

 

Keywords

Uterine cervix; Neoplasms; Prevalence

Perfil de resultados de hemoculturas positivas e fatores associados

Denise Bisol Ruschel

Adriana Dalpicolli Rodrigues

Fernanda Formolo

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Analisar os resultados dos exames de hemocultura obtidos de laboratório de referência em análises clínicas na cidade de Caxias do Sul, RS como forma de reconhecer os micro-organismos isolados com maior frequência nas amostras positivas de hemoculturas, bem como descrever o perfil de resistência dos mesmos. Métodos: Realizou-se um estudo transversal, retrospectivo e analítico. Em um banco de dados de um laboratório na cidade de Caxias do Sul, RS observaram-se resultados de hemocultura, no período de janeiro de 2012 a agosto de 2013, realizadas em pacientes internados em um hospital. O estudo foi baseado em resultados de hemoculturas positivas, sendo excluídas as negativas. Dos micro-organismos isolados, foram avaliados a prevalência e o perfil de resistência aos anti­microbianos. Resultados: Foram avaliados 2.832 resultados de hemoculturas, sendo que 2.584 (91,2%) apresentaram-se negativos, enquanto que 248 (8,8%) foram positivos para algum patógeno. Das hemoculturas positivas, 140 (56,4%) foram isoladas de pacientes do sexo masculino e 108 (43,5%) do sexo feminino. Em relação ao setor de internação, o mais acometido foi a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) adulto, com ocorrência de 91 amostras positivas (36,6%). O acesso de coleta com maior prevalência de amostras positivas foi o acesso periférico, com ocorrência de 202 amostras (81,4%). Os micro-organismos do grupo das bactérias Gram positivas apresentaram maior resistência aos antibióticos penicilina, ciprofloxacina e clindamicina. As bactérias Gram negativas apresentaram maior resistência aos antimicrobianos ceftazidima, ampicilina e sulfametoxazol e trimetoprim. Conclusão: Este estudo permitiu o conhecimento do perfil de resistência dos micro-organismos analisados e a prevalência destes em pacientes internados.

 

Palavras-chave

Bacteremia; Farmacorresistência bacteriana; Infecção hospitalar

Abstract

Objective: Analyze the results of blood culture tests obtained from reference laboratory for clinical analysis in the city of Caxias do Sul/RS, as a way to recognize the microorganisms isolated most frequently in positive samples of blood cultures and describe microbial resistance profile isolated microorganisms. Methods: We conducted a cross-sectional, retrospective and analytical study. In a laboratory database in the city of Caxias do Sul / RS was observed results of blood culture, from January 2012 to August 2013, performed in patients admitted to a hospital. It was based on results from positive blood cultures, and the negative deleted. The isolated microorganisms were evaluated the prevalence and antimicrobial resistance profile. Results: 2.832 results were evaluated of blood cultures, of which 2.584 (91.2%) had to be negative, whereas 248 (8.8%) were positive for a pathogen. Among the positive blood cultures, 140 (56,4%) were from male patients, while 108 (43,5%) were from female patients. In regard to the hospital sections, the most affected one was the UTI adult, with 91 samples (36,6%). The access port for blood collection with most positive cultures was the peripheral access (202 samples, or 81,4% of the samples). The Gram positive bacteria showed high resistance to the following antibiotics: penicillin, ciprofloxacin and clindamycin. On the other hand, the Gram negative bacteria showed high resistance to ceftazidime, ampicillin, sulfamethoxazole and trimethoprim. Conclusion: This study brings about the knowledge of blood cultures and its associated factors.

 

Keywords

Bacteremia; Drug resistance, Bacterial; Cross infection

Padronização da qualidade: alinhando melhorias contínuas nos laboratórios de análises clínicas

Valter Soares Dias

Fernanda Rocha da Silva Barquette

Alexandre Ribeiro Bello

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivos: Avaliar a qualidade do processo laboratorial por meio da padronização e melhorias nos serviços de saúde localizados na cidade do Rio de Janeiro e contribuir para os laboratórios não certificados em sistemas da qualidade e/ou acreditados a adquirir um programa de implantação. Métodos: Este estudo descritivo foi desenvolvido por meio de pesquisa bibliográfica onde foram identificados artigos na literatura pertinente relacionados ao tema proposto. Resultados: Os percentuais dos laboratórios credenciados nos sistemas de padronização da qualidade no Rio de Janeiro foram: 21 (6,37%) dos laboratórios clínicos utilizam o Sistema Nacional de Acreditação – DICQ; 07 (2,12%), o Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos – PALC; 274 (83,03%), o Programa Nacional de Controle de Qualidade – PNCQ e 115 (34,84%) o Programa de Excelência de Laboratórios Médicos (PELM)/Controllab. E, nos hospitais, 19 (82,60%), o sistema da Organização Nacional de Acreditação (ONA). Conclusão: A abordagem proposta de padronização complementar ao sistema de gestão da qualidade (SGQ) deverá ser utilizada nos laboratórios de análises clínicas, sua aplicação, implantação de fases, utilização das ferramentas da qualidade, mostrando-se válida e útil para uma avaliação, alinhando melhorias contínuas nos processos de gestão em medicina laboratorial.

 

Palavras-chave

Acreditação; Gestão de Qualidade; Controle de Qualidade; Melhoria de Qualidade

Abstract

Objectives: In this work we evaluated the quality of the laboratory process through standardization and improvements in health services located in the city of Rio de Janeiro and its contribution to the acquisition of a implantation program of quality or accreditation systems at not certified laboratories. Methods: This descriptive a study that was developed through bibliographic research where articles were identified in relevant literature related to the proposed theme. Results: The percentages of accredited laboratories in quality standardization systems in Rio de Janeiro were: 21 (6.37%) of the clinical laboratories use the National Accreditation System – DICQ; 07 (2.12%) use the Accreditation Program of Clinical Laboratories – PALC; 274 (83.03%), the National Quality Control Program (PNCQ) and 115 (34.84%) the Medical Laboratory Excellence Program (PELM)/Controllab. Nineteen hospitals (82.60%) were accredited by the National Accreditation System (ONA). Conclusion: The proposed approach of standardization complementary to the quality management system (QMS) should be used in clinical analysis laboratories, its application, phase implementation and quality tools as valid approaches for evaluation and continuous improvements in the management process in laboratory medicine.

 

Keywords

Accreditation; Quality Management; Quality Control; Quality Improvement

Efeito do consumo de quitosana nos parâmetros lipídicos, glicêmicos e microbiota intestinal em ratos Wistar

Camila Girotto

Francielle Garghetti Battiston

Luiza Vivan

Mateus Fracasso

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A obesidade tornou-se frequente em países em desenvolvimento, acarretando em problemas cardiovasculares e outras doenças metabólicas. Entre as formas de combater a obesidade está a alimentação saudável, principalmente com a inserção de fibras. O objetivo da pesquisa foi verificar se ocorreria redução na massa corpórea de ratos suplementados com quitosana, diminuição dos parâmetros lipídicos e glicêmicos e verificar seu efeito em relação à microbiota intestinal. Foram utilizados 16 ratos machos e 16 fêmeas da linhagem Wistar, os quais foram divididos em quatro grupos (n=4 machos e n=4 fêmeas), C, CQ, H e HQ. O tratamento teve duração de 71 dias. Houve redução na massa corporal dos grupos tratados com quitosana, porém, não significantes estatisticamente; no entanto, a ingestão alimentar nos grupos tratados com quitosana foi maior comparada a seus controles, os níveis de colesterol total, triglicerídeos e glicemia foram diminuídos em ratos suplementados com quitosana. A análise da microbiota intestinal demonstrou que a concentração de Lactobacillus e Bifidobacterium, embora não tenha sido significativa estatisticamente, apresentou um aumento da concentração destas bactérias em ratos suplementados com a fibra. De acordo com os resultados obtidos no estudo, a quitosana age no controle da massa corpórea, especialmente pela ação no metabolismo dos lipídios, atuando também como um prebiótico, auxiliando no aumento da concentração de probióticos, regulando as funções da microbiota intestinal.

 

Palavras-chave

Quitosana; Obesidade; Microbiota intestinal; Parâmetros lipídicos

Abstract

Obesity has become frequent in developing countries, resulting in cardiovascular problems and other metabolic diseases. Among the ways to combat obesity is a healthy diet including mainly fibers. The objective was to verify if there would be a reduction in the body mass of rats supplemented with chitosan, decreasing the lipid and glycemic parameters and check their effect on the intestinal microflora. 16 female and 16 male mice from the Wistar lineage were used, which were divided into four groups (n = 4 males and n = 4 females), C, CQ, H, HQ. The treatment lasted 71 days. There was a reduction in body mass of groups treated with chitosan, but not statistically significant, however, food intake in the groups treated with chitosan was higher compared to their controls, the total cholesterol levels, triglycerides and glucose levels were reduced in mice supplemented with chitosan. The analysis of intestinal microbiota showed that the concentration of Lactobacillus and Bifidobacterium although not statistically significant, showed an increase in the concentration of these bacteria in mice supplemented with fiber. According to the results obtained in the study, chitosan acts in the control of body mass, especially by the action in metabolism of lipids, also acts as a prebiotic, aiding in increasing the concentration of probiotics, regulating the functions of the intestinal microbiota.

 

Keywords

Chitosan; Obesity; Intestinal microbiota; Lipid parameters

COMUNICAÇÃO BREVE

Prevalência de soropositividade para toxoplasmose em gestantes atendidas em um laboratório de município do litoral do estado do Paraná

Erildo Vicente Muller

Jéssica Driélli Torquetti

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Este trabalho teve como objetivo descrever a prevalência de soropositividade em gestantes. Métodos: Trata-se de um estudo epidemiológico transversal. A amostra foi de 407 gestantes que realizaram exame de pré-natal em um laboratório de análises clínicas do município de Paranaguá, PR no primeiro semestre do ano de 2013. Foram avaliados os resultados sorológicos para toxoplasmose IgG e IgM. As variáveis socioeconômicas estudadas foram: idade e escolaridade. Verificou-se também o trimestre gestacional de realização do exame. Os resultados foram descritos por meio de estatística descritiva. Resultados: Das gestantes avaliadas 35,3% apresentaram-se imunes à toxoplasmose, enquanto que 62,9% delas não apresentaram imunidade. Identificou-se também que 42,7% das gestantes realizaram os primeiros exames do pré-natal no segundo trimestre gestacional, sendo a média de idade de 35 anos e com ensino médio completo (36,1%); 44,5% das gestantes com 35 anos ou mais apresentavam imunidade. Conclusão: Ressalta-se a importância da realização de testes sorológicos para toxoplasmose em mulheres com idade fértil e gestantes. E confirma-se a prerrogativa de que o avanço da idade em mulheres pode ser um fator protetor quando se fala de toxoplasmose congênita.

 

Palavras-chave

Prevalência; Gestantes; Toxoplasmose

Abstract

Objective: This study aimed to describe the prevalence of seropositivity in pregnant women. Methods: Cross-sectional epidemiological study. The sample studied was composed of 407 pregnant women who had received prenatal care in a laboratory of clinical analyzes in the municipality of Paranaguá, PR in the first semester of 2013. Serological results for toxoplasmosis IgG and IgM were evaluated. Socioeconomic variables were: age and education.The gestational age was also checked. Results: The gestational age was also checked. The results were described using descriptive statistics. 35.3% of the pregnant women showed themselves immune to toxoplasmosis, while 62.9% of them had no immunity. The study identified that 42.7 % of pregnant women received prenatal care in the second trimester; the mean age was 35 years and high school graduates (36.1%); 44.5 % of pregnant women with 35 years old or more had immunity. Conclusion: The importance of serological tests for toxoplasmosis in women of childbearing age and pregnant women is noteworthy. And it was confirmed that the advantage of advancing age in women may be a protective factor when speaking of congenital toxoplasmosis.

 

Keywords

Prevalence; Pregnant women; Toxoplasmosis

Análise da temperatura, do tempo e da relação sangue/ anticoagulante no hemograma

Larissa Seniv

Mackelly Simionatto

Bruno Ribeiro Cruz

Danielle Cristyane Kalva Borato

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Verificar o impacto da fase pré-analítica na avaliação quantitativa do hemograma, no dia-a-dia do laboratório clínico, como: a temperatura de armazenamento e o efeito do anticoagulante de acordo com o tempo de estocagem após coleta. Métodos: Foram coletadas 60 amostras biológicas de sangue venoso, sendo distribuídas em dois tubos de EDTA K2 respeitando a relação sangue/anticoagulante e dois tubos com alteração nesta relação. Estas amostras foram armazenadas de diferentes formas: em temperatura ambiente (25°C) e em temperatura de 4°C. Posteriormente, as amostras foram analisadas em contador hematológico, em diferentes tempos de estocagem 2, 5, 12 e 24 horas após a coleta. Resultados: Verificou-se que, durante as 24 horas de estocagem, a maioria dos parâmetros não apresentou alteração significativa, com exceção do percentual de células médias. Além disso, observou-se que as amostras armazenadas sob refrigeração apresentam valores mais estáveis, com exceção de alguns parâmetros, como: percentual de granulócitos, VPM e PDW, que apresentaram oscilações quando armazenados a 4°C, principalmente para as amostras com alteração da relação sangue/anticoagulante. Conclusão: O presente estudo demonstrou que os fatores pré-analíticos podem afetar a variabilidade dos parâmetros quantitativos do hemograma, devendo-se respeitar a correta relação sangue/anticoagulante e evitar o processamento da amostra após longos períodos de estocagem.

 

Palavras-chave

Contagem de células sanguíneas; Hemograma; Preservação

Abstract

Objective: To assess the impact of the pre-analytical phase in the quantitative CBC evaluation, day-to-day clinical laboratory, such as storage temperature and effect of anticoagulant, according to the storage time after collection. Methods: Sixty biological samples of venous blood have been collected and distributed in two EDTA K2 tubes respecting the blood/anticoagulant relation and two tubes with change in this relationship. These samples were stored in different ways: at room temperature (25°C) and at 4°C. Subsequently, samples were analyzed for hematologic counter in different storage times of 2, 5, 12 and 24 hours after collection. Results: It was verified that during the 24 hours of storage most parameters showed no significant alteration, except percentage of medium-sized cells (including monocytes, basophils and eosinophils). Moreover, it was observed that stored refrigerated samples exhibit more stable values, except for some parameters such as the percentage of granulocytes, MPV and PDW, which showed oscillations when stored at 4°C, especially for samples with abnormal blood/anticoagulant relation. Conclusion: This study showed that pre-analytical factors could affect the variability of the quantitative complete blood count parameters. The correct blood/anticoagulant ratio should be respected, and the processing of the sample after long periods of storage.

 

Keywords

Blood cell; Blood count; Preservation

Interdisciplinaridade como instrumento educativo em saúde: um estudo sobre o câncer de colo do útero

Vera Regina Medeiros Andrade

Antônio Vanderlei dos Santos

Keli Jaqueline Staudt

Cristine Wagner Mallmann

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A interdisciplinaridade é um intercâmbio entre diferentes disciplinas para ultrapassar o pensar fragmentado na construção de conhecimentos, trazendo grandes contribuições para o processo ensino-aprendizagem. O objetivo foi usar a interdisciplinaridade no estudo do câncer do colo do útero e desenvolver um folder educativo. A sequência didática proposta como ferramenta metodológica foi: apresentação da situação, como fazer, para quem, a produção inicial e a produção final. O trabalho desenvolvido ocorreu com disciplinas do quarto semestre do curso de farmácia. Concluímos que é possível ligar diferentes disciplinas na construção do conhecimento, que a comunidade aceita bem as orientações e que o instrumento pode servir de multiplicador de informações.

 

Palavras-chave

Pesquisa Interdisciplinar; Educação em Saúde; Neoplasia Intraepitelial Cervical

Abstract

Interdisciplinary is an exchange, involves the combining of two or more different academic disciplines, in the goals connecting and building knowledge, bringing great contributions teaching-learning process. The aim of this study was to use an interdisciplinary study of cervical cancer and develop an educational folder. The didactic sequence proposed as a methodological tool was: presentation of the situation; how to; for whom; the initial production and final production. The work took place in the fourth semester of pharmacy course. We concluded that it is possible to connect different disciplines in the construction of knowledge, that the community accepts it and the folder can serve as a multiplier of information.

 

Keywords

Interdisciplinary research; Health education; Cervical Intraepithelial Neoplasm

Incidência de enteroparasitoses em pacientes atendidos por um hospital universitário da cidade de Goiânia, GO, Brasil

Nubia Siqueira Damaceno

Tatiane Luiza da Costa

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: O presente estudo teve como objetivo avaliar a distribuição de enteroparasitos por cidade de Goiás e por região da cidade de Goiânia, de acordo com o grupo etário e sexo, em pacientes atendidos pelo Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás, no período de 2012 a 2014. Métodos: Estudo retrospectivo, cujos dados foram obtidos a partir do banco de dados do laboratório clínico do HC/UFG e de prontuários arquivados pelo SAMIS. As variáveis analisadas foram: idade, sexo, cidade de origem e parasito encontrado. Resultados: A prevalência de parasitismo foi de 23,4%. O grupo etário que apresentou maior número de indivíduos parasitados foram as crianças (53,8%). Giardia lamblia foi o parasito mais frequente na população (53,4%). Dos pacientes provenientes de Goiânia (71,7%), o maior número de indivíduos parasitados era residente da região Leste da cidade (26,9%). Os pacientes da região norte apresentaram a maior variedade de parasitos; sete espécies. Conclusão: Pode-se inferir que apesar das melhoras nas condições de saneamento e higiene ocorridas nos últimos anos, as enteroparasitoses ainda são um problema frequente em nossa população necessitando de medidas de educação em saúde e melhorias nas condições sanitárias da população para reduzir esses índices.

 

Palavras-chave

Protozoários; Helmintos; Enteroparasitoses; Prevalência

Abstract

Objective: This study aimed to evaluate the distribution of enteroparasites by city of Goias and part of the city of Goiânia, according to age group and sex, in patients treated at the Hospital das Clinicas, Federal University of Goiás, in the 2012 period 2014. Methods: A retrospective study, whose data were obtained from the clinical laboratory database of HC / UFG and records filed by SAMIS. The variables analyzed were: age, gender, home town and parasite found. Results: The prevalence of parasitism was 23.4%. The age group with the highest number infected individuals were children (53.8%). Giardia lamblia is the most common parasite in the population (53.4%). Patients from Goiânia (71.7%), the highest number of infected individuals was a resident of the eastern region of the city (26.9%). Patients in the northern region had the largest variety of parasites; seven species. Conclusion: It can be inferred that despite improvements in sanitation and hygiene in the last years, intestinal parasites are still a frequent problem in our population in need of education measures in health and improvements in the health conditions of the population to reduce these rates.

 

Keywords

Protozoa; Helminths; Enteroparasitoses; Prevalence

Indicadores do monitoramento interno da qualidade dos exames citopatológicos do Laboratório Clínico da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)

Amanda Christina de Paula

Nathany Gomes de Souza

Thairine Carrijo do Prado

Andrea Alves Ribeiro

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Objetivo: Avaliar a qualidade dos exames citopatológicos do Laboratório Clínico da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LAC-PUC-GO), de acordo com os indicadores da qualidade da fase analítica para o exame citopatológico, utilizando os índices que avaliam a qualidade, de acordo com o recomendado pelo Ministério da Saúde. Métodos: Os dados foram coletados no DATASUS através do SISCOLO alimentado pelo banco de dados do LAC-PUC-GO no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2013. Os índices dos diagnósticos citopatológicos foram realizados utilizando Manual de Gestão da Qualidade para Laboratório de Citopatologia. Resultados: Do total de 7.015 exames citopatológicos realizados no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2013, 99,5% foram classificados como satisfatórios, 91,8% exames citopatológicos negativos, 0,5% insatisfatórios e 7,7% exames alterados. O índice de positividade analisado no período de cinco anos alcançou uma média de 7%. O percentual de exames compatíveis com HSIL apresentou uma média de 1% e encontra-se dentro do esperado pelos índices de rastreamento até 2%; o percentual ASC/satisfatório foi baixo em 2009 (3%) e 2010 (2%) e alto em 2013 (7%), enquanto que a média de todos os anos foi de 4%; já a média da razão do percentual de ASC/SIL dois manteve-se dentro dos limites recomendados. Conclusão: O monitoramento interno da qualidade é uma ferramenta usada no auxílio diagnóstico, garantindo assim uma maior acurácia dos exames citopatológicos.

 

Palavras-chave

Neoplasias do colo do útero; Controle de qualidade; Indicadores de qualidade; Assistência à Saúde

Abstract

Objective: To evaluate the quality of the cytopathological exams of the Clinical Laboratory of the Pontifical Catholic University of Goiás (LAC-PUC-GO), according to the quality indicators of the analytical phase for the cytopathological examination, using the indexes that evaluate the quality, according to the Recommended by the Ministry of Health. Methods: The data were collected in DATASUS through SISCOLO fed by the LAC-PUC-GO database from January 2009 to December 2013. The cytopathological diagnosis indices were performed using a Quality Management Manual for Cytopathology Laboratory. Results: A total of 7.015 cytological examinations from January 2009 to December 2013, these 99,5% were classified as satisfactory 91.8% negative cytopathology, 0.5% unsatisfactory and 7,7% abnormal tests. The positive rates analyzed in the five-year period reached an average of 7%. The percentage of exams compatible with HSIL averaged 1%, is in line with expectations by tracking rates up to 2%, the ASC/satisfactory percentage was lower in 2009 (3%) and 2010 (2%) and high in 2013 (7%), while the average of all years was 4%, as the average ratio of the percentage of ASC/SIL two is within the recommended limits. Conclusion: The internal quality monitoring It is a tool used for the diagnosis, thus ensuring greater accuracy of cervical screening

 

Keywords

Uterine Cervical Neoplasms; Quality Control; Quality Indicators; Health Care

Análise qualitativa e quantitativa da microbiota das mãos dos funcionários de um posto de saúde

Daiana Gauer

Gabriela Kniphoff da Silva

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

Introdução: As Infecções Relacionadas à Assistência a Saúde (IRAS) referem-se àquelas adquiridas durante a prestação dos cuidados de saúde, e a principal via de transmissão de microrganismos ocorre através das mãos dos profissionais da saúde. Objetivo: Identificar e quantificar os agentes microbianos presentes nas mãos dos funcionários do posto de saúde. Métodos: Foram analisadas amostras microbiológicas, coletadas com um swab com meio de transporte Stuart, das mãos de 29 funcionários da respectiva unidade de saúde e da superfície de alguns utensílios de comum uso entre os funcionários e pacientes. Estes foram incubados e devidamente identificados através de provas bioquímicas e físicas. E, após, submetidas ao teste de sensibilidade aos antibióticos. Resultados: Dentre os 52 microrganismos isolados e identificados, a bactéria de maior prevalência foi o Staphylococcus aureus (44%), seguida de Staphylococcus sp. (33%) e Escherichia coli (15%). As outras bactérias identificadas foram Pseudomonas aeruginosa, Shigella sp. e Enterobacter aerogenes. Constatou-se que 28,9% (n = 15) das bactérias identificadas apresentavam resistência a quatro ou mais antibióticos. Houve também o isolamento de S. aureus (72%), Staphylococcus sp. e E. aerogenes (14%) em utensílios como mesa, maçanetas e balcões. Conclusão: As mesmas bactérias encontradas nas mãos dos funcionários também foram encontradas em utensílios de comum utilidade entre os profissionais e clientes, sugerindo que há transmissão cruzada de microrganismos em unidade de saúde pública, e ressaltando a importância da correta higienização das mãos com água e sabão durante as mais variadas atividades exercidas durante o atendimento ao paciente.

 

Palavras-chave

Higiene das mãos; Contaminação; Saúde Pública

Abstract

Introduction: Infections related to health assistance refer to those acquired during the provision of health care, and the main route of transmission of microorganisms occurs through the hands of health professionals. Objective: This study aims to identify and qualify the microbial agents present in the hands from the employees of a health center. Methods: Microbial samples were analyzed, collected by a swab with Stuart mode of transport, from the hands of 29 employees of the respective healthcare center and the surface of some common utensils used among employees and patients. These samples were incubated and properly identified through biochemical and physical evidences. After, they were subjected to the antibiotic sensitivity test. Results: Among the 52 isolated and identified microorganisms, the most prevalent bacteria was Staphylococcus aureus (44%), followed by Staphylococcus sp. (33%), and Escherichia coli (15%). The other identified bacteria were Pseudomonas aeruginosa, Shigella sp. and Enterobacter aerogenes. It was found that 28.9% (n = 15) of identified bacteria were resistant to four or more antibiotics. There was also the isolation of S. aureus (72%), Staphylococcus sp. and Enterobacter aerogenes (14%) on items like tables, door knobs and countertops. Conclusion: The same bacteria that were found in the hands of the employees have also been found in common use utensils between professionals and patients, suggesting that there is cross-transmission of microorganisms in public health center, and highlighting the importance of proper hand sanitizing with soap and water before several activities carried during patient care.

 

Keywords

Hand hygiene; Contamination; Public health

CARTA AO EDITOR

Meningite eosinofílica: relato de caso

Mayara Caldas Ramos Cunha

Valéria Pereira Salgado

Denise Rezende

Thiago Noronha

Ricardo Ambrosio Fock

Rev. Bras. An. Clin. Vol. 49 No. 2 Jun./Jul. 2017

Resumo Abstract Texto completo (PDF)

Resumo

A meningite eosinofílica é uma reação inflamatória causada na grande maioria das vezes por parasitas. Por meio da análise quimiocitológica do líquido cefalorraquidiano (LCR), o laboratório clínico é responsável por detectar a presença de eosinófilos e contribuir para o diagnóstico final de meningite eosinofílica, diferindo-a de outras causas etiológicas de meningites. Neste relato de caso, uma criança deu entrada no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo com sinais e sintomas de meningite e foi diagnosticada com meningite eosinofílica devido ao resultado clínico e a análise quimiocitológica do LCR. Exames sorológicos no LCR para identificação do agente causador foram encaminhados para centros de referência e, embora a identificação do agente causador não tenha sido estabelecida, este relato de caso nos mostra a importância do laboratório clínico na identificação de eosinófilos no LCR e no encaminhamento de amostras para os centros de referência/pesquisa, auxiliando no aprimoramento ou desenvolvimento de testes diagnósticos bem como na melhoraria de ações de saúde pública.

 

Palavras-chave

Meningite; Eosinofilia; Parasitos

Abstract

Eosinophilic Meningitis is an inflammatory reaction mainly caused by parasites. Performing Cerebrospinal Fluid (CSF) analysis, the clinical laboratory is responsible for detecting the presence of eosinophils, and contributes to the final diagnosis of eosinophilic meningitis, differing from the other causes of meningitis. In the current case report, a child came to the emergency room of the University Hospital of the University of São Paulo presenting signs and symptoms of meningitis and was diagnosed with eosinophilic meningitis based on the clinical outcome and in the CSF differential cell count result. Serological CSF tests for final etiologic agent identification were performed in reference centers and although the identification of the causative agent has not been established, this case report shows the importance of the clinical laboratory for the identification of eosinophils in the CSF. Additionally, it is highlighted the importance in sending samples for reference laboratories/research centers to assist the improvement or development of new diagnostic tests and the advance in public health actions.

 

Keywords

Meningitis; Eosinophilia; Parasites